AMOR DE MÚMIAS

Livro AMOR DE MUMIAS

Amor de Múmias é o segundo livro da Série Diversidade, do Bando de Brincantes e Editora Papo Abissal. O livro aborda a diversidade de inúmeras maneiras, dialogando com a subjetividade infantil. Assim, sem reduções realistas inadequadas ao pensamento da criança, distintos temas, emoções e proposições perceptivas são apresentados de forma divertida e afetiva, despertando a sensibilidade e propiciando elaborações emocionais, sociais e cognitivas. O amor em todas as idades, as diferenças de habilidades no decorrer da vida, o envelhecimento, a tristeza, a morte, a alegria e a percepção de diferenças culturais são abordados de forma alusiva e lúdica.

Ao mesmo tempo, o livro apresenta muitos desafios de vocabulário, com palavras que serão decifradas a partir do contexto, das ilustrações e de conversas em casa ou na escola. Buscando relativizar as imposições deterministas a respeito de significados estanques, o livro desvela as construções culturais e as possibilidades de transformação presentes em todo o contexto. Por exemplo, “Mauro, a múmia máscula” ou “Mara, a múmia mimosa” são construções que trazem em si próprias um estranhamento que desvela a contradição. Essa contradição permite que, subjetivamente, a criança perceba a possibilidade de relativizar ideias estereotipadas, construindo novas possibilidades.

Ou seja, ao brincar essas ideias estereotipadas presentes em discursos hegemônicos dentro de um pensamento de senso comum, é possível evidenciar a sua construção cultural, desnaturalizando as verdades impostas pelo meio e desvelando a possibilidade de transformação. Esse discurso, lúdico e divertido, respeita a forma de construção do pensamento da criança e a convida ao diálogo, por meio de uma lógica que lhe é familiar, bastante distinta das determinações de discursos realistas que – conforme Vygotsky e Bettelheim já evidenciaram – em nada dialogam com a criança, resultando apenas em frias reproduções de discursos que são inacessíveis ao pensamento infantil.

Com a proposta de desafiar os sentidos e as percepções, a ilustradora Monika Papescu brincou com cores e texturas, contribuindo na construção plural do discurso do livro. As ilustrações não apenas traduzem o texto em imagens, mas propõem novas possibilidades de jogos de significações. Além disso, a ilustradora pesquisou hieróglifos e inseriu diversos desafios de decodificação em meio às ilustrações.

Tudo isso resulta na possibilidade de inúmeras abordagens pedagógicas, do campo social ao narrativo, do imagético ao linguístico, do afetivo ao matemático.

Aos professores, o Bando de Brincantes oferta um material em pdf com diversas possibilidades de atividades pedagógicas, em especial, voltadas às séries iniciais do Ensino Fundamental. Basta solicitar, gratuitamente, pelo e-mail brincar@bandodebrincantes.com.br

Falar com a criança respeitando a lógica lúdica de seu pensamento é o caminho que o Bando de Brincantes acredita ser possível para estabelecer um diálogo no qual a arte ande de mãos dadas com a educação.

Ficha técnica do livro:
Texto e coordenação pedagógica: Viviane Juguero
Ilustrações e projeto gráfico: Monika Papescu
Revisão de texto da história: Sandra Juguero
Revisão Geral: Press Revisão
Edição Geral: Papo Abissal
Assistência de produção: Éder Rosa
Assessoria gráfica: Miriam Gress
Parceria Cultural: SINDEC
Realização: Bando de Brincantes e Editora Papo Abissal

Entre em contato para adotar o livro e receber as atividades pedagógicas, clicando AQUI. 

site produzido por metamorfose - agência digital